Secretaria da Cultura
Voltar

BATTLE IN THE CYPHER CHEGA À SUA DÉCIMA EDIÇÃO

2009 a 2019. Um período que reflete muito break, b.boys, b.girls, DJs, batalhas, rap, grafitti, beatbox, na Capital do Vinho. Desde a sua formação até a cristalização de um grupo que exerceu a Cultura Urbana em todos os seus aspectos, a Nest Panos estabeleceu uma excelência da área no cenário nacional.

Tendo como organizadores os primórdios Pedro Festa e William Sarate Ballestrin, a primeira edição teve uma programação que abrangeu um dia. “Na época não tínhamos muita noção de sobre como organizar um evento porque fizemos às pressas, naquele afã de proporcionar uma terceira opção, mais alternativa, já que tinha outros dois eventos da área”, relembra Pedrinho Footwork Squad, como é conhecido no meio.

De lá para cá, o BITC só cresceu. De um dia de programação passou para sete, agregando cada vez mais atrações como exposições, cinema, mostra de dança, slam, debates, oficinas em escolas e grafitti. Assim, o evento conseguiu projeção além do município, estado e país, consagrando sua importância para a cena contemporânea hip hop no Brasil.

Ainda Pedrinho destaca que “a grande sacada do Battle, ao longo dos anos, foi poder ver pessoas que seguiram trabalhando, que se qualificaram ou que se descobriram no meio. Esse é o nosso grande diferencial e demonstra a sua permanência”.

Mas a Nest Panos não parou por aí. O BITC é uma das ações desenvolvidas pelo coletivo que inclui loja com produtos exclusivos da marca, batalhas no Bento em Dança, curadorias para outros festivais e projetos culturais como Maratona Urbana (em 2019 terá o seu terceiro ciclo) e “Do livro ao rap”, que foi contemplado pelo Fundo Municipal de Cultura, em 2018, e que está sendo executado ao longo deste ano.

Também contemplado pelo Fundo, vai estrear em 2019 o média-metragem “Nem eu sei de tudo”, filmado pela Âncora, mostrando a história da Nest Panos. Aguarde.

Battle in the Cypher – 10ª edição

E a 10ª edição do Battle in the Cypher está marcada para o período de 15 a 21 de abril, em Bento Gonçalves. Dançarinos, grafiteiros, rappers, DJs e amantes da cultura urbana e do hip hop do Brasil, de grande parte da América do Sul e até de países europeus estarão na Serra, na atividade que integra o Calendário Municipal de Eventos de Bento.

Antes da semana intensa de atividades, o BITC terá pré-edições qualificatórias no Mato Grosso do Sul, Bahia, São Paulo, Minas Gerais Uruguai, Argentina e Paraguai. Os vencedores destas batalhas estarão em Bento Gonçalves para competir, reforçando a projeção e o caráter representativo desta grande festa.

Nesta edição, a estimativa é atingir mais de 2 mil pessoas, reafirmando a importância desse encontro cultural tanto para a comunidade local, quanto para a cena urbana nacional e sul-americana.

Dentre grande grupo de visitantes entre artistas e especialistas da cultura hip hop, esta edição receberá o Rapper Marcello Gugu, um MC paulistano, foi um dos fundadores da batalha de Mcʼs mais famosa do país, a tradicional Batalha do Santa Cruz, e é criador do Infinity Class: redefinindo a história sob a ótica do Hip Hop, projeto que busca utilizar o Hip Hop como agente de transformação social através de aulas e oficinas. Marcello teve destaque nacional após o lançamento da primeira mixtape, "Até que enfim Gugu" em 2013 (que você pode ouvir aqui: https://www.youtube.com/marcelloguguoficial ou www.marcellogugu.com.br).

Atualmente, o disco "Até que enfim Gugu" já é considerado, pela mídia especializada, um clássico do rap nacional e nesse momento, Gugu tem trabalhado em seu segundo disco, intitulado Índigo, porém, sem data de lançamento definida. A lista de outras referências das danças de rua que estarão no Battle 2019 são Mixa Funk Fockers e Cásper Back Spin de São Paulo, Berna do Paraguai e Geovani e Alex  de Caxias Do Sul . Que estarão se revezando entre júri e workshop

Outro destaque entre os workshops será a presença do artista urbano Iceman de Curitiba, que trabalha com a arte da Tattoo e do Graffiti e ministrará uma aula de caligrafia urbana.

A lista de DJs também é animadora: Além do paraguaio Saturn, que também estará entre os artistas a ministrar workshops, também teremos os deejays Zion, de Porto Alegre, e o local Bugz que darão conta da trilha sonora dos encontros, batalhas e festas desta edição do BITC que, cada vez mais, avança na diversidade para afirmar a importância e a emergência da cultura hip hop na Serra gaúcha.

Confira a programação:

15 - Abertura do evento - Vernissage Expo Boombox

Local: Fundação Casa Das Artes

Horário: 19h

16 - Terça Cinema

Local: Sesc

Horário: 19h

17 Quarta - Mostra aberta de Rap e Dança e Batalhas Shows –

Local: Praça Vico Barbieri

Horário: 17h

18 – 16h -Palestra Infinity com Marcello Gugu - Local: Sesc

19h - Cerimônia Oficial do Evento e Vernissage Expo Banks de Jaquetas Customizadas – Local: Fundação Casa Das Artes

19 -14h - WORKSHOPS – Local: Fundação Casa Das Artes

Fonte: bentogoncalves.rs.gov.br

Tags Relacionadas:

noticias